Clareamento a Lazer e Clareamento Caseiro

0
656

Quando o clareamento dental foi lançado surgiram rumores de que causava câncer ou que enfraqueciam os dentes mas nada disso foi comprovado cientificamente. O clareamento dental vem tendo uma evolução continua em relação as técnicas de aplicação  e substâncias utilizadas. Atualmente utilizamos dois tipos de tratamento o clareamento de consultório e o clareamento caseiro ; particularmente em meu consultório , para melhores resultados , eu utilizo a união das duas técnicas mas vamos falar individualmente de cada uma delas.

A técnica do clareamento dental de consultório é chamado de clareamento a lazer.Atualmente não se utiliza mais o lazer pois o produto é auto ativado , ou seja, na composição do produto já existem substâncias que ao se misturarem promovem o clareamento dos dentes. O clareamento na verdade deveria ser chamado de branqueamento porque os produtos utilizados penetram no esmalte do dente e fazem uma “faxina” , quer dizer eles limpam todos as substâncias pigmentas que penetraram em nossos tecidos dentinários durante a nossa vida. O clareamento de consultório é feito somente pelo dentista habilitado, nós utilizamos o peroxido de hidrogênio a 35% ou o peroxido de carbamida a 37% e a supervisão feita pelo profissional é muito importante porque na técnica de aplicação todos os tecidos moles como gengiva , lábios e bochechas devem ser protegidos com uma barreira protetora para que não se “queimem” durante a sessão que dura em torno de 1 hora. O clareamento dental caseiro como nome já diz é feito em casa e aplicado pelo próprio paciente. Também é de suma importância que essa técnica seja orientada pelo dentista porque todo o diagnóstico prévio de como estar a dentição do paciente, que porcentagem do produto utilizar , o tempo de uso  e a cor que pode ser alcançada em cada caso é fundamental. Existem no mercado várias marcas e porcentagens como já foi dito anteriormente, a mais indicada e utilizada é porcentagem de 16% seja nas substâncias peroxido de hidrogênio ou o peroxido de carbamida.
O clareamento caseiro é realizado através da confecção de moldeiras no formato das arcadas dentárias onde o produto é aplicado e colocado em contato com os dentes. Normalmente o tempo de uso do produto é em torno de 4 a 7 horas, sendo que esse tempo de uso varia de acordo com a porcentagem escolhida. A maioria dos pacientes utilizam esse clareamento na hora de dormir , ou seja , cerca de 7 horas mas muitas pessoas não se adaptam pois sentem incomodo na utilização noturna. Sendo assim , vamos mostrar algumas alternativas diferentes de utilização. Atualmente temos a porcentagem de 4% que pode ser usada  com o período de 2 horas diárias , a de 6% que podemos usar 1 hora e 30 minuto diário , 7,5% que podemos utilizar uma hora e  a de 10% que ode ser usada 30 minutos por dia  sendo esse o menor tempo diário. Dessa forma , temos vários protocolos de utilização para o perfil de cada paciente.
Antes de finalizar gostaria de esclarecer uma dúvida comum entre os meus pacientes , que seria o questionamento se o clareamento dental causa sensibilidade permanente nos dentes.  O tratamento de clareamento não causa sensibilidade permanente , o que pode acontecer é uma certa sensibilidade durante a fase de clareamento dependendo do limiar de dor de cada pessoa. Uma consulta minuciosa antes de começar o tratamento é indispensável porque nessa avaliação podemos descobrir áreas que os pacientes já tinham sensibilidade como regiões com retração gengival onde a raiz do dente é exposta , restaurações infiltradas , e até alguns casos de esmaltes com fissuras mas temos várias estratégias que podemos utilizar para possibilitar que o clareamento seja feito como o uso de dessensibilizantes , porcentagens diferentes e tratamento clinico prévio ao inicio do clareamento.
clareamento-dental

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA